Olhos lacrimejando – o que pode ser?

Olhos lacrimejando – o que pode ser?

Olhos lacrimejando, lacrimejantes ou epífora são tudo expressões para designar a condição em que o doente sente uma abundância invulgar de lágrimas (olhos sempre a lacrimejar). Este problema pode dever-se a uma produção de lágrimas excessiva, a inflamação dos olhos ou à drenagem inadequada das lágrimas. Este problema pode ser temporário ou então existir um lacrimejamento persistente no tempo. Se o problema persistir no tempo (longa duração) deve consultar o médico oftalmologista para efetuar o diagnóstico da doença e tratamento adequado.

Os olhos com lágrimas são uma condição normal. As lágrimas são um líquido que contêm água, sais e permitem manter os olhos lubrificados e ajudar a lavá-los de objetos estranhos e poeira. As lágrimas são produzidas pelas glândulas lacrimais sob a pele das pálpebras superiores. Quando pestanejamos, as lágrimas espalham-se e mantêm os olhos húmidos. As lágrimas são, normalmente, drenadas através dos canais lacrimais e por evaporação. Outras glândulas produzem lipídios que protegem as lágrimas da evaporação muito rápida.

Nos olhos que lacrimejam são produzidas muitas lágrimas, que sobrecarregam os canais lacrimais. Os canais lacrimais bloqueados, vento, poeira, alergias, infeções e lesões são por isso fatores que podem causar lacrimejamento nos olhos. Contudo, outras causas podem estar na origem do problema (veja mais informação em causas).

Na maioria das vezes, o problema dos olhos lacrimejantes é resolvido sem qualquer tratamento. Contudo, noutras situações este problema pode tornar-se num processo crónico. Consulte o seu médico se apresenta um caso prolongado de olhos lacrimejantes, especialmente se for acompanhado de outros sintomas.

Tem algum desses sintomas? Agende sua consulta: